Tudo o que você precisa saber sobre a importação da China

Tabela de Conteúdos

Você vê muitos produtos fabricados na China em diferentes lojas e lojas perto de você todos os dias? E você mantém

A China é um dos principais países que produzem produtos de consumo globalmente. Assim, muitos empresários obtêm bons lucros com a compra e revenda dos produtos que importam deste país. É por isso que encontramos muitos produtos com uma etiqueta Made-In-China na maioria das lojas em todo o mundo.

Se você também quiser importar mercadorias da China ou entender o processo, você está no lugar certo. Você encontrará razões para importar da China e o que você deve saber ao importar da China. Além disso, será um guia detalhado sobre como importar mercadorias da China, perguntas comuns sobre este processo, e muito mais.

importação da china

Por que você deve importar da China?

Há muitas razões pelas quais indivíduos e proprietários de empresas gostam de importar seus produtos da China. Estas razões incluem:

1) O custo de importação da China

O custo do produto ou serviço chinês é geralmente uma das principais razões para comprar um determinado produto ou usar um determinado serviço. Assumindo que dois vendedores vendem um produto similar a preços diferentes, é mais provável que você o compre daquele que vende a um preço mais baixo.

Ao importar da China, muitas empresas preferem ter custos reduzidos que incorrem no processo. Isso porque custa muito menos para fabricar produtos na China. Portanto, é possível compará-lo com os custos de fabricação de outros países europeus.

E se você acredita que o custo de importação aumentará o preço do produto, então você ainda está errado. Por quê? Porque o custo total do produto e sua importação ainda é menor do que o custo de fabricação.

2) Produtos de alta qualidade em comparação com outros países asiáticos.

Você deve conhecer o famoso mito falso de que os produtos chineses são geralmente de baixa qualidade. Mas a verdade é que, quando você compara a qualidade dos produtos chineses e a de outros países asiáticos como o Vietnã, você encontrará produtos chineses de mais qualidade.

3) Nenhum problema com grandes quantidades

Se você se preocupa com o número de produtos a serem importados da China, pare de se preocupar. As fábricas chinesas são tão grandes. Elas estão sempre preparadas, prontas e usadas para fabricar produtos em grandes quantidades.

Assim, você pode importar grandes quantidades de produtos da China sem nenhum problema. Afinal de contas, a maioria das empresas importa seus produtos da China em grandes quantidades.

4) A capacidade de personalizar os produtos

A principal preocupação de muitos indivíduos e empresas sobre a importação da China é obter os mesmos produtos. Isso porque muitos clientes acreditam que os produtos da China são os mesmos.

Eles evitam os produtos chineses porque não querem os mesmos produtos que os outros. Mas, este não é o caso.

No entanto, a fabricação na China permite a personalização dos produtos ao gosto, preferência e gosto do comprador. Assim, seus desejos podem ser atendidos, já que você pode personalizar o(s) produto(s) para atender às suas necessidades específicas.

5) Margem de lucro potencial

Há muitas despesas além da fabricação que você deve considerar antes de importar produtos de qualquer país. Estes incluem custos de manuseio, taxas, encargos de envio e impostos.

Ao calcular tudo isso, você pode perceber que o lucro que você provavelmente obterá é menor do que você espera. Mas a importação da China vem com uma margem de lucro maior.

Isso se deve aos menores custos de mão-de-obra e fabricação. Mas, ao contrário, a importação de outros países vem com custos de insumos mais altos, diminuindo as margens de lucro previstas.

margem de lucro potencial

6) Os tempos de trânsito são baixos

Com suas estruturas gigantescas, a capacidade de fabricação nas fábricas chinesas é muito alta. A tecnologia, o trabalho manual e a entrada de produtos são mais do que suficientes.

O ecossistema da cadeia de abastecimento também é constante. Como a fabricação é eficiente e as fontes estão disponíveis, a participação das empresas chinesas é muito rápida. Como resultado, os tempos de trânsito das mercadorias que você importa da China são mais rápidos.

7) Comércio mais fácil

A China tem criado um ambiente comercial mais acessível ao longo dos anos. Se você já importou da China antes, você entende como este país funciona para facilitar o comércio para os importadores.

Ao importar da China, você perceberá que seus impostos são baixos, e eles não pedem licenças ou autorizações. Primeiro, você precisa seguir as regras de seu país e as regulamentações comerciais internacionais. Depois disso, você pode importar da China com conforto e facilidade.

8) Liberdade e flexibilidade

Importar da China também lhe oferece muita liberdade e flexibilidade. Se você quer lidar com seus negócios de forma eficiente, você é livre para fazê-lo.

Você não deve utilizar nenhum intermediário ou aderir a seus termos específicos. O que isso significa? Significa que você tem a liberdade de tratar de seus negócios de acordo com seus termos.

Você quer vender os produtos em diferentes plataformas on-line? Vá em frente. Como resultado, você será muito flexível no controle de seus produtos, vendas e lucros.

coisas a saber antes de importar da china

Quais são as principais coisas a saber antes de importar da China?

A) Conhecer os antecedentes comerciais e as barreiras comerciais

Se você quiser importar com sucesso, você deve se preparar adequadamente. Por exemplo, se você está planejando importar da China, você deve entender o histórico comercial da China com seu país e as barreiras comerciais.

B) Antecedentes comerciais

Houve muitos desafios com os laços comerciais entre a China e os EUA. Isso porque estas são as economias nacionais mais extensas do mundo.

Por exemplo, o acordo comercial entre estes dois países foi revisado em 2018 pelos EUA. As ações visavam reduzir o déficit comercial e as práticas desleais no comércio. Infelizmente, esta ação resultou no estabelecimento de novas barreiras e tarifas sobre a China. Muito tem continuado a acontecer desde então.

Portanto, se você quer importar da China e está nos EUA, você deve entender este histórico comercial. Se você estiver em um país diferente, faça o mesmo.

C) Barreiras comerciais

Existem diferentes barreiras comerciais que a China impõe para a importação e exportação, como por exemplo:

  • Restrições
  • Tarifas
  • Cotas

Essas barreiras comerciais são de dois tipos, ou seja:

  • Barreiras tarifárias e
  • Barreiras não-tarifárias 

Pode-se avaliar as tarifas que a China impõe às importações usando diferentes fatores, inclusive:

  • Custos de embalagem
  • Prêmio do seguro
  • Valor da transação dos produtos
  • Imposto sobre o consumo
  • Taxas de serviço
  • Frete e expedição, e
  • Imposto sobre o valor agregado

Esses encargos continuaram a ser reduzidos desde que a China concordou com a Organização Mundial do Comércio. 

A China continua a fornecer incentivos significativos para ajudar os importadores. Ela permite que a China continue a liderar o mercado comercial. 

D) Conheça seu mercado alvo

Antes de ir em frente e importar da China, você deve estudar bem seu mercado-alvo. Você não quer importar um produto que não será vendido.

Por esta razão, olhe para seu mercado alvo. Que produtos você pretende importar e vender lá? O mercado tem produtos similares? Quais são seus preços? Além disso, qual seria sua margem de lucro se você trouxesse produtos similares?

Você precisa confirmar se este mercado alvo precisa muito ou não de tais produtos. Você também pretende vender esses produtos em várias áreas ou em uma região específica? Você venderá os produtos diretamente ou os armazenará?

Se você pretende vender essas mercadorias diretamente, você as venderá para atacadistas, varejistas ou ambos?

Em resumo, estudar seu mercado e encontrar as respostas corretas a tais perguntas o ajudará a tomar decisões melhores e mais bem informadas à medida que você importar da China.

regras e leis ao importar da china

E) Observe as regras e leis da alfândega de seu país de destino

Em que país você pretende importar os produtos? Quais são as leis e regras alfandegárias deste país? Você deve entendê-las para que seu processo de importação seja bem sucedido e livre de desafios.

Aqui, uma vez que você determine se o produto que está planejando importar é uma mercadoria primária ou recreativa, você poderá conhecer suas tarifas alfandegárias.

Você também conhecerá suas taxas de embarque e descarga. Ele o protegerá do pagamento de taxas extras caso haja alguma violação.

Você pode perder todo o seu embarque por causa da condição e qualidade da mercadoria na chegada. O que você faz com os pacotes? Que documentos você precisa apresentar para a conclusão dos procedimentos alfandegários de sua mercadoria?

Você deve conhecer os costumes, as regras e as leis de seu país alvo que vêm a calhar aqui. Você também poderá ver se precisa de ajuda dos despachos alfandegários ou se pode tratar de tudo sozinho. No caso de violações, você pode incorrer em muitas perdas em nome de multas ou custos.

documentos necessários quando da importação da china

F) Os documentos que você precisa importar da China

Você precisa de vários documentos ao importar da China. Estes documentos são:

Este documento é um relatório que a empresa de transporte marítimo apresenta, e deve conter várias páginas. Você deve apresentar suas fotos ou original se o importador puder agir em nome da fonte para administrá-lo.

O fabricante ou a fábrica geralmente fornece este certificado. No entanto, o fornecedor ou a empresa de transporte também pode providenciá-lo mediante solicitação.

A declaração de valor é o reconhecimento do importador. Ela mostra um penhor do valor total das mercadorias importadas.

O importador deve levar uma assinatura válida neste papel de seu banco.

Este documento identifica os itens específicos que você importa e seus tipos pelo nome, popularmente conhecido como fatura.

Se o valor de sua mercadoria exceder $5.000, este papel é necessário.

Você precisa deste papel quando importar da China. Este documento também pode incluir diferentes certificações para comprovar a qualidade do produto.

A Packing List contém a mesma lista que a fatura comercial, exceto por ser mais detalhada. Este documento terá o conteúdo preciso dos pacotes e contêineres no embarque.

Importando da China para seu país: Um Guia Passo-a-Passo completo!

Se você já fez pesquisa suficiente, identificou os produtos que deseja importar e está pronto para importar da China, siga os passos abaixo.

Passo 1. Encontre seu fornecedor ideal

Depois de decidir que produto importar da China, o próximo passo é procurar um distribuidor ou fornecedor para você. Muitos fabricantes lidam com o mesmo produto em um grande mercado como a China. 

Assim, escolher a pessoa certa pode não ser fácil, mas é por isso que este posto está aqui. Você pode classificar os fornecedores chineses em três tipos, como abaixo.

  • Fabricantes
  • Atacadistas e
  • Fornecedor de envio direto

A) Fabricantes

Os fabricantes são responsáveis pela produção dos produtos para que importadores como você possam importá-los. Portanto, considere obtê-los de um fabricante se você quiser obter os produtos ao preço mais baixo.

Isso porque são eles que fabricam os produtos. Entretanto, talvez seja necessário comprá-los a granel para obter os produtos diretamente do fabricante. Na maioria dos casos, apenas pequenos fabricantes trabalham com os varejistas. Os outros fabricantes trabalham principalmente com fornecedores e atacadistas.

B) Atacadistas

Os atacadistas geralmente compram os produtos diretamente dos fabricantes. Em seguida, eles vendem esses produtos a granel aos varejistas. Se você lida com atacadistas, provavelmente receberá mercadorias de baixo preço. Encomendar mercadorias deles em maiores quantidades lhe dá mais descontos.

C) Dropshipping

O dropshipping é um tipo diferente de fornecimento ou distribuição. Aqui, a compra de mercadorias em grandes quantidades não é permitida. Ao invés disso, é possível comprar um único produto em um determinado momento. Quando o produto é vendido, você tem que pagar por ele.

Você também não recebe os preços mais baixos desde que paga adiantado. O envio direto também não requer estoque, embalagem ou envio.

Passo 2. Verifique a Produção

Se você já encontrou e se estabeleceu em um fornecedor que tem o produto que pretende importar e está pronto para encomendar a mercadoria, o acompanhamento da produção é seu próximo passo.

Este processo demorado é ao mesmo tempo importante e necessário. Primeiro, ele ajuda você a garantir que você obtenha os produtos exatos que está esperando. O processo de produção de acompanhamento pode levar semanas e às vezes meses. Portanto, continua sendo um passo crucial.

Passo 3. Garantir o controle de qualidade

O controle de qualidade é um passo crítico para os importadores. Ele envolve os processos de fabricação, a qualidade da produção e os detalhes do produto. Além disso, o controle de qualidade visa identificar problemas e detectar qualquer defeito antes do tempo.

Observar qualquer problema suficientemente cedo facilita a sua resolução. Portanto, é importante fazer um controle de qualidade. Além disso, isso ajudará sua empresa a evitar perdas.

Há empresas de inspeção terceirizadas que podem ser contratadas para o controle de qualidade. Alternativamente, você pode usar um revisor do fornecedor.

Uma empresa de inspeção terceirizada permite que você estabeleça seus padrões. Ela verifica tudo, inclusive as características do produto e suas funções. Ela também inspeciona no local, assegurando que o que você recebe é necessário.

Passo 4. Gerenciar o transporte

Sua viagem de importação da China não pode ser completa sem esta etapa, o transporte. É uma etapa cara durante a importação.

Você pode precisar escolher um método de envio adequado para receber suas mercadorias a tempo. A etapa de transporte envolve custos que cobrem despesas como, por exemplo

- Taxas de corretagem
- Taxas de embalagem
- Taxas de contêineres
- Manuseio de terminais

O primeiro passo é escolher um método de envio como, por exemplo

- Carga aérea
- Serviço de courier
- Carga marítima

Após seu pedido ficar pronto, leva vários dias, geralmente um ou dois, para levar a encomenda da fábrica até o porto. Também leva de um a dois dias para um controle aduaneiro. Seu embarque pode levar cerca de uma semana para deixar o cais.

Naturalmente, levará mais dias para que o envio chegue ao destino final. Depende de sua localização. Você pode usar um número de rastreamento para rastrear a remessa, e uma vez que ela chegue, você pode desembaraçar a alfândega com a ajuda de um despachante aduaneiro.
Saiba mais sobre embarque de mercadorias da China para os EUA

Passo 5. Limpar o pagamento restante

Este passo é bastante óbvio. Não se pode dizer que o processo de importação esteja completo se seu fornecedor ainda não tiver recebido o pagamento. Mas quando você pode pagar aos fornecedores chineses?

O modelo mais comum usado para pagar fornecedores chineses envolve um pagamento antecipado de 30%. O 70% restante é pagável após a conclusão. Mas, este modelo varia de acordo com os produtos encomendados.

Talvez seja necessário pagar 50% ou mais por produtos que requeiram mais material de fabricação. A conclusão do pedido implica que o fornecedor completa o pedido enquanto você, o importador, recebe o Bill of Landing. Este Conhecimento de Embarque confirma que suas mercadorias estão fora para embarque.

Então, como você faz o pagamento? Você pode pagar usando os métodos de pagamento abaixo confiáveis:

A) Cartões de crédito e Paypal

Alguns poucos fornecedores aceitam esses métodos apenas na China. O Paypal é principalmente padrão nos EUA, mas menos comum na China. Como tal, poucos fornecedores chineses o aceitam como um método de pagamento. Eles também incorrem em taxas mais altas quando utilizam cartões de crédito ou Paypal.

B) Transferência telegráfica (TT) ou transferência bancária

É uma forma de pagamento acessível. É o método mais comumente utilizado para enviar dinheiro ou pagar aos fornecedores chineses.

Mas, é preciso pesquisar fornecedores específicos antes de fazer pedidos a eles. Alternativamente, considere contratar uma empresa para rastrear a produção e o embarque. Pode ser precário, se você não fizer isso.

Como encontrar grandes fornecedores chineses além de Alibaba?

Não se pode subestimar o valor de encontrar um fornecedor grande e confiável enquanto se importa da China. Ele determina se você terá um processo complicado ou simples. Continue lendo para descobrir!

1) Use um Agente de Fornecimento da China

Se você deseja formar uma parceria comercial de longo prazo com uma das empresas para ajudá-lo a administrar sua cadeia de fornecimento, você deve começar por encontrar um agente de sourcing chinês confiável. Tais agentes são muitos, uma vez que muitos negócios são parceiros da China. Assim, será mais simples para você localizar e trabalhar com tais relacionamentos em sua jornada de importação.

Muitos importadores preferem Fulfillbot por ser um agente de sourcing de confiança na China. Você pode usar esta plataforma para racionalizar suas importações da China.

porcelana participar da exposição

2) Participar da Exposição

Você pode encontrar distribuidores e fornecedores chineses de renome visitando diferentes exposições na China. Você os conhecerá fisicamente, experimentará seus produtos e esperançosamente formará laços comerciais.

Alguns dias na exposição permitirão que você teste vários produtos pessoalmente. Você também encontrará respostas fáceis para suas dúvidas das pessoas que estes fornecedores atacadistas trazem.

lista de sites da china b2b

3) Navegar nos mercados B2B

Hoje, é fácil para um vendedor construir um website, promover produtos ou serviços on-line, identificar compradores em todo o mundo e interagir com eles. Ele também pode usar os mercados B2B para publicar suas ofertas.

Um mercado B2B é um excelente recurso para qualquer empresa que deseje mudar suas operações comerciais. Tais empresas podem usar uma rede digital para simplificar suas operações e se comunicar com empresas que pensam da mesma forma para aumentar rapidamente suas operações. Por exemplo, você pode procurar um fornecedor chinês em qualquer um dos seguintes lugares.

- DHgate é uma das plataformas on-line líderes no atacado de produtos feitos na China. Ela conecta compradores internacionais com fornecedores chineses.

Trata de mais de 30 milhões de produtos em múltiplas categorias. No entanto, se você não quiser usar esta plataforma, você tem muitos alternativas ao DHgate.

- ChinaBrands concentra-se no envio e distribuição de produtos. Seus serviços incluem fontes maciças de produtos, suporte de TI, logística transfronteiriça, armazenagem global, etc.

- A Global Sources é uma plataforma B2B que conecta compradores do mundo inteiro com fornecedores chineses e asiáticos verificados. Terceiros independentes geralmente confirmam os fornecedores. Assim, usar esta plataforma para fazer negócios com fornecedores chineses é menos arriscado.

- O Made-in-China ajuda os empresários a obter mercadorias da China de forma fácil e segura. Continua a ser uma plataforma de comércio eletrônico B2B chinesa líder.

No entanto, você pode consultar nosso guia detalhado sobre principais sites de atacado.

4) Visite os mercados de atacado

Você provavelmente nunca ouviu falar de Yiwu, mas é provável que você seja proprietário de alguns itens feitos em Yiwu. Você pode visitar muitos mercados para diferentes produtos a preços razoáveis. Estes mercados incluem:

1. Departamento de Atacado de Yiwu Xixiang
2. YTC - Centro de Comércio Yiwu
3. Yiwu International Business and Trade Mission.

Com Guangzhou sendo o lar de mais de 1.000 mercados atacadistas, a China é sem dúvida o centro econômico do mundo.

Você pode encontrar diferentes produtos e categorias de produtos em todos esses mercados atacadistas. Estas categorias incluem roupas, produtos eletrônicos e suprimentos do dia-a-dia. Além disso, alguns dos principais mercados atacadistas de Guangzhou são:

- Nova Ásia Cidade Internacional
- Mercado Atacadista Baima
- Praça Hiayin Eletrônica
- Guangda Shoes PLaza

Um agente de sourcing Guangzhou pode ajudá-lo a escolher um grande fornecedor para seu negócio.

5) Google

O Google é outro lugar poderoso para encontrar fabricantes chineses confiáveis, fabricantes atacadistas e fornecedores dos EUA e de todo o mundo.

Por mais evidente que isto possa parecer, pode-se usar o Google para identificar outros vendedores por atacado de diferentes partes do mundo. Mas, talvez seja necessário fazer muita pesquisa.

Os atacadistas não são tão bons em marketing ou promoção. Portanto, você pode precisar identificar as palavras-chave corretas e usá-las em sua busca no Google.

usar as mídias sociais

6) Usar as mídias sociais

As redes sociais são uma das melhores maneiras de as pessoas encontrarem ajuda hoje em dia. Ela beneficia as empresas B2B, como fornecedores e atacadistas na China.

As plataformas de mídia social incluem Instagram, LinkedIn, Twitter, e Facebook. Portanto, elas podem ajudar você a encontrar grandes fornecedores na China. Além disso, estas plataformas provam se os clientes estão atualizados com as tendências de marketing e, se estiverem, boas para você e para eles.

7) Verificar Diretórios Industriais

Você pode encontrar diretórios industriais em revistas ou na internet. Percorrê-las. Você encontrará muitos fornecedores em diferentes indústrias listadas ali.

É rápido para localizar fornecedores, embora possa não ser o mais eficaz. Há alguns diretórios onde qualquer um pode postar coisas. Mas, sua qualidade pode ser pobre.

Mesmo assim, muitos diretórios de fornecedores conduzem verificações de histórico dos fornecedores chineses. Isso o ajuda a selecionar um fornecedor entre os melhores.

Como desembaraçar seu embarque pela alfândega?

desalfandegamento

Outro passo vital ao importar da China é o desembaraço aduaneiro. Você deve fornecer a documentação correta e seguir as etapas necessárias nesta etapa.

Caso contrário, sua mercadoria pode ser retida, examinada e você pode ser multado ou sofrer atrasos. Se as coisas piorarem, o funcionário da alfândega poderá apreender seus bens e destruí-los ou leiloá-los.

Uma licença de importação não é obrigatória para importar mercadorias da China para os EUA. Mas para obter a liberação do CBP, é necessário tomar as medidas necessárias de entrada, classificação, avaliação, exame e aprovação.

O valor de sua remessa determina as exigências e os custos do processo alfandegário. Vamos detalhar estes fatores abaixo:

A) Imposto de Importação (Imposto de Importação)

Se o valor de sua carga importada for $800 ou superior, ela está sujeita a impostos e taxas. Os produtos estão isentos de impostos se o seu valor for inferior a este valor.

B) Requisitos de entrada e documentação

Quando a mercadoria chega aos EUA, ela é apresentada para entrada formal ou informal. Por exemplo, se o valor da carga for superior a $2.500, ela é apresentada como uma entrada padrão. Da mesma forma, é uma entrada informal se seu valor for inferior a este valor.

C) Obrigações alfandegárias

Embarques formais de entrada precisam de alfândega. Trata-se de um contrato legal celebrado por você e uma empresa fiadora. Ele garante que você, como importador, siga as normas alfandegárias e que a alfândega também seja paga pelas multas, impostos, penalidades e direitos de importação necessários.

D) Despachantes aduaneiros

O uso de corretores personalizados não é uma exigência legal. Mas, é uma ação necessária sugerida por profissionais do setor e pelo CBP.

E) Retenções e exames

O CBP tenta melhorar a segurança da cadeia de abastecimento. Assim, ele pode selecionar e examinar remessas específicas.

Transporte Aéreo ou Marítimo: Qual funciona melhor quando se importa da China?

navegação aérea vs marítima a partir da china

Como importar da China é uma decisão crucial para os importadores. Você deve utilizar o transporte marítimo ou aéreo? 

1) Custo de envio

O frete aéreo geralmente é mais caro. Sua capacidade também é limitada, de modo que a maioria dos embarques ocorre via marítima. O peso determina o preço, e o transporte marítimo é adequado para cargas pesadas cobradas razoavelmente.

2) Confiabilidade e risco de danos

Se você considerar a confiabilidade, o frete aéreo é mais confiável. Ele se mantém dentro de um determinado cronograma. Ambos dependem do bom tempo, mas a carga marítima sofre mais com as mudanças climáticas adversas na maioria dos casos.

Os vôos também são freqüentes. Assim, resolve a questão dos vôos perdidos, já que outro vôo estará disponível em breve. No entanto, ao contrário do frete marítimo, é provável que você venha a sofrer longos atrasos.

3) Tempo de trânsito

em 3-5 dias, você pode garantir que o frete aéreo terá chegado a seus destinos. Se você tiver que esperar mais, então serão dez dias. Da mesma forma, o transporte marítimo leva de 21 a 30 dias ou 2 a 4 meses.

Portanto, se você está encomendando grandes quantidades e não tem pressa em enviá-las, você pode preferir o transporte marítimo. O transporte marítimo será um modo de transporte menos caro e confiável.

FAQs

Quais são as Principais Importações da China?

Os produtos importados da China incluem brinquedos, jogos, equipamentos esportivos, calçados, vestuário, móveis, plásticos, ferro, aço e veículos.

Eu preciso de uma licença legal para importar da China?

Nem todos precisam de uma licença para importar da China. Mas isso também depende do tipo de produto, da quantidade e da quantidade final.

Quanto Imposto Haverá sobre as Importações da China?

Na maioria dos casos, você pagará 21%. Mas, há algumas taxas reduzidas a 4% e 10%.

Qual país é o Maior Importador da China?

Os Estados Unidos da América são o maior importador da China.

O que a Índia importa mais da China?

A Índia importa fertilizantes, instrumentos de telecomunicação, eletrônicos, máquinas elétricas e intermediários de drogas da China.

Quais são os melhores e mais rentáveis produtos a serem importados da China?

Os melhores produtos a serem importados da China incluem adesivos hidrocolóides, protetores de tela de telefone, prensas de alho, mochilas, suportes de carro para celular e sapatos de água.

Além disso, outros produtos rentáveis incluem luzes de anel, fritadeiras, câmeras de segurança e termômetros de carne.

Como saber se o meu fornecedor chinês está dizendo a verdade?

Para garantir se você está lidando com um fornecedor chinês legítimo ou não, pesquise e verifique. Depois, use as fontes recomendadas para obter um fornecedor chinês.

Pensamentos finais!

A importação da China é lucrativa e acessível. Entretanto, se você quiser iniciar esta jornada, reserve um tempo para fazer sua devida diligência. Além disso, os tempos de trânsito do processo são baixos e valem sua paciência.

Além disso, o custo é amigável, os produtos são de alta qualidade e você pode importar mercadorias em grandes quantidades. Além disso, você pode personalizar os produtos de acordo com sua preferência, e você pode desfrutar de muita liberdade e confiabilidade.

Mas, certifique-se de conhecer e compreender os antecedentes e as barreiras comerciais. Além disso, estude seu mercado, obtenha um fornecedor confiável, siga todas as regras exigidas e aproveite a importação da China! Então, vá em frente e contate a equipe Fulfillbot para iniciar sua jornada!

Posts relacionados

0 0 votos
Classificação de artigos
Assine
Notificação de
convidado
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

Deseja obter o melhor preço de fabricação da China?

Minha equipe e eu estamos determinados a ajudar os transportadores prontos para a venda a crescerem o negócio rapidamente para o próximo nível. Minha única pergunta é: será que será sua?

© 2022 Fulfillbot. Todos os direitos reservados
Fabricado com Bebonsourcing
pt_BRPT
Rolar para cima